Tuesday, November 18, 2008

Faleceu Pedro Torres


Faleceu ontem, 17 de Novembro, em Paris, Pedro Augusto Arez Torres, vítima de doença prolongada. Para quem teve o privilégio de o conhecer, o Pedro será para sempre relembrado como homem de extrema sensibilidade. Adorava a vida e partilhava-a a cada momento com os seus amigos e parceiros de negócios. Descendente de uma das mais antigas famílias que se dedica no país ao ramo da Relojoaria (tudo começou em 1910, em Torres Vedras), o Pedro foi criado e educado e viveu os primeiros anos da sua vida profissional na Baixa pombalina, onde os Torres têm um estabelecimento. Seguindo o seu caminho, o Pedro fundou a Torres Distribuição há cerca de duas décadas, empresa que se tornou a referência incontestável da Alta Relojoaria em Portugal.
Um dos projectos queridos do Pedro era a protecção da relojoaria grossa nacional, tendo sido o grande promotor da acção de recuperação e restauro efectuada no início do ano nos relógios do Arco da Rua Augusta, em Lisboa. "Sempre me meteu confusão aquele relógio, quando olhava para ele, em toda a minha juventude, nunca estar certo. Prometi a mim próprio que um dia iria fazer algo por ele", dizia ele, cheio de alegria, quando o relógio retomou a sua marcha. O projecto previa a recuperação de outros relógios públicos, numa acção de mecenato, um no Porto e outro em Coimbra.
A missa de corpo presente terá lugar na Igreja de São João de Deus, às 13.30, na Sexta-Feira, 21 de Novembro.Seguirá para o cemitério dos Olivais onde terá lugar às 16.00 a cerimónia fúnebre.

1 comment:

paula said...

Pedro Torres Grande Homem com um coração do tamanho
do mundo, com muito caracter e dedicado aos amigos e família. Vivia a vida intensamente. Sempre disse "Sorri para a vida que ela sorri para ti".